6 comentários:
De Cintia guerreira a 4 de Maio de 2008 às 02:12
Ola, vim agradecer o selinho de aprovação, amei, já até levei pro meu blog, agora não entendi muito sobre esse poema.....ficou um ponto de interrogação na minha cabeça.......?????????.......mas tudo bem, beijos.....
De Lala a 4 de Maio de 2008 às 11:58
Olá Cintia.
Ainda bem k gostaste do selo.
Quanto ao poema...
Não tem nada de pessoal, é um simples poema dedicado a uma mãe, que foi escrito por um poeta português.

Espero k tenhas um bom dia das mães.

Bjocas.

Lala
De NEOABJECCIONISMO a 5 de Maio de 2008 às 00:10
Eugénio de Andrade, um poeta do Olimpo.
E a mãe é um simbolo objectivo da humanidade,para lembrar sempre.
um beijo
De Lala a 5 de Maio de 2008 às 09:42
Pois é...
As mães são aqueles seres puros que deveriam ser eternos.
Nunca nenhum filho deveria ver morrer a sua mãe, nem uma mãe ver morrer o seu filho.
Porque a ligação que há entre mãe e filho, é unica.
Feliz dia das mães.
Bjocas.

Lala
De samueldabo a 5 de Maio de 2008 às 08:44
Lala (Carla) Amiga
O Eugénio de Andrade é um dos poetas maiores da nossa literatura.
Sinto orgulho de ter divulgado no mercado muitos dos seus livros maiores.
Registo a tua escolha como de alma sensivel de mãe e filha estremosas.
Um beijo amigo
De Lala a 5 de Maio de 2008 às 09:43
Olá Samuel.
Sempre gostei muito deste poema.
Nos tempos de liceu, fazia-me confusão, agora já o começo a entender melhor.
Feliz dia da mãe.
Bjocas.
Lala

Opinar