4 comentários:
De samueldabo a 19 de Abril de 2008 às 15:59
Olá,Lala.
Conheço o livro. É um testemuho arrepiante do estado em que alguns paíse mantém os seus povos.
A luta pela tomada dos direitos fumdamentais mantém-se acesa em grande parte do mundo conhecido. Não é admissivel misturar o estado com a religião. Nós próprios fomos um povo dominado por principios idênticos, aquando da Inquisição, com pessoas queimadas vivas nas praças públicas.
Enfim, horrores que aindam subsistem em muitos países do mundo.
Um beijo de amigo
De Lala a 19 de Abril de 2008 às 17:04
Olá samu.
É verdade, este livro é arrepiante, e o pior de tudo, é que tudo o que aqui é descrito é verdadeiro.
Isso é que é mais grave.
Obrigado pela visita.
Bjocas.

Lala (",)
De soflor a 19 de Abril de 2008 às 20:36
Olá, também já li esse livro.. é uma história de coragem e de sobrevivência.
Beijiho...
De ilhas a 19 de Abril de 2008 às 21:50
Não conheço o livro, mas acredito que seja de uma crueldade, que existe naqueles paises, que impressiona o leitor. Já li coisas com uma temática identica e fiquei deveras impressionado.
Gostei da sua visita e de conhecer o blogue.
Volte sempre , que eu farei o mesmo. abraços

Opinar